domingo, 30 de maio de 2010

Meu sonho de Cinderela se realizou

Nenhum comentário:

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Nós dois

Um comentário:
E vou casar...como num perfeito sonho que tenho desde criança. Sem stress, sem brigas, com a pessoa perfeita e com tudo do jeito que tem que ser, de papel passado, na igreja...etc etc.
Com uma pessoa que ao invés de me irritar mais ainda, com todo seu amor me "suporta" me ajudando a chegar novamente ao meu eixo.
Tá, não vou dizer que sou 100% militante de ter que assinar papéis para dizer que amo alguém, mas vamos lá, como disse um amigo, nós somos nós mesmos desde que nascemos, mas mesmo assim, mesmo antes de sabermos, já fazem um RG pra dizer que somos...o que seria dispensável...mas as coisas são assim.E não é isso que me prende ao Marcelo, é meu coração, são as nossas vidas semelhantes e ele me respeitar, me amar mais do que tudo, eu ser prioridade na vida dele e ele ser prioridade na minha vida, continuando a dar importância a todos os outros elementos nas nossas vidas, ter cumplicidade. Chorei horas ontem, no ônibus de volta pra casa, falando com o Marcelo, sozinha antes de dormir...e pedi a mim mesma para não ser uma noiva depressiva...rsrsrs...brincadeiras a parte, parece que despertei ontem para entender que agora é de verdade...morei 15 anos aqui onde ainda moro hoje, e daqui uns dias irei para uma casa nova, com uma pessoa que eu conheci há dois anos e que temos cada um nossos hábitos e costumes. Acho que foi por isso a Tensão Pré Casamento do dia.
Aqui de onde escrevo, meu quarto rosa, com ursos de pelúcia, bonecas, cortina floridinha, parede cor de rosa é o meu quarto na casa da minha mãe á partir do dia 23 de maio. onde virei para dormir quando viermos visitar a família da minha parte (porque seremos uma família só) e não ter que dormir na sala, né? rsrs
Eu queria tanto que muitas meninas (e meninos também) que sofrem por causa de alguém que não vale minimamente a pena lesses esse meu post e tivessem paciência, não se subjugassem, acreditassem que realmente existe a felicidade e que parassem pra respirar, ficarem bonitas, colocasse a auto estima e a si próprias em primeiro lugar. É isso que atrai o amor e não saltos, roupas decotadas, maquiagens...só vai ajudar se o "recheio" condizer com a "cobertura"...rsrsrsPorque hoje eu entendo melhor, que amor é antes de tudo se amar. E a partir dai, dessa beleza, tudo vem, todas as coisas boas que se quer acontecem. E que "aquele" ou "aquela" que está te tratando mal, se está fazendo isso, já não vale a pena nem estar compartilhando da sua voz, da sua presença, dos seus pensamentos...
E vamos as coisas boas...hoje fomos á nossa casa e pela 1a vez me imaginei vivendo lá, aquela casa sendo realmente nossa...antes era como se eu estivesse na "Casa da Barbie, eu não me via lá dentro no dia a dia.
Mas algo dentro de mim mudou, e eu não sei nem como e nem porque, mas foi de um modo mágico, especial.
Teremos minhas amigas, os amigos dele, a avó dele, minha prima, a sobrinha dele, meu primo, tias, tios, amigas, cunhadas, irmãos, meu tio entrará comigo...elementos que não podem faltar e que serão muito importante para simbolizar essa união das nossas vidas, da minha entrega para a vida novamente, para o caminho, aquele que eu sonhava desde pequena (desde aqueles tempos quando eu ia casar quando tivess 18 anos...rsrsrs).

Quando é pra ser, acontece, de formas diversas e até um chat (coisa que eu não gostava e não gosto) é usado para Deus unir duas pessoas que fazem parte uma da outra e foram feitas para caminharem novamente juntas.

"Pra ser amor, tinha que ser nós dois"


terça-feira, 4 de maio de 2010

Life goes on...

Nenhum comentário:
Faz tempo que não escrevo, pq meu tempo não tem sido meu...tem sido do meu casamento e do mundo da moda.

O casamento está ai pra chegar, o mundo da moda está funcionando como um tranquilizante fashion, para desviar um pouco a minha tensão de um momento tão importante e no qual todo mundo pergunta tudo pra gente.

Hoje sai com o Marcelo, ele foi trabalhar a noite, mas estavamos morrendo de saudade (#ounnn) e fomos namorar meio de semana mesmo.

Ainda preciso encontrar meu vestido para o nosso casamento no civil e o sapato, preciso (acreditem) colocar alguns convites no correio, pegar as caixinhas dos padrinhos e madrinhas na casa de uma amiga.

Quero ler, quero estudar, quero fazer tudo ao mesmo tempo. Mas não dá tempo. Até dá tempo, mas quando pego alguma coisa do casamento pra fazer, acho que me esgota pq a quantidade é grande e é uma linha de produção...colocar lacinho, costurar, colocar apetrecho...e eu não gosto de fazer coisas em linha de produção...talvez por isso eu seja uma publicitária de criação...rsrsr

O tempo está passando, hoje foi um dia bem gostoso (pela temperatura média de 25 graus) e entre nós dois mesmo.

Amanhã vou entregar alguns convites para um amigo e passear um pouco, já com foco nas coisas do casamento, mas a gente sempre dá muita risada juntos.

Hoje, voltando do passeio, parei para pensar, que sim, posso continuar livremente escrevendo sobre moda, mas batalhei para ter minha graduação em publicidade e quero me especializar. Todo mundo fala muita coisa, sobre ser difícil acar trabalho na área, sobre isso e aquilo....pq ?

Não importa...o que importa é que a negativa o credenciamento para o São Paulo Fashion Week me fez ver algumas coisas óbvias, como por exemplo tantas millhares de pessoas darem importância para certas coisas que não é tão grandiosa assim...gostei de ir na temporada passada, mas não é mais algo que eu me jogue pra estar lá. É como se eu tivesse realizado uma vontade, visto como é lá dentro, e a vida prossegue...um dia serei convidada para ir, não vou precisar ficar correndo atrás de credencial, já que como eles mesmos dizem, eles têm o poder de autorizar ou não a entrada de blogueiras e etc no evento.

Assim como eu tenho o direito ou não de querer continuar atrás deles ou esperar para a contecer meu momento de estar lá...como tudo, os meus momentos sempre chegam...mesmo que demorem (e para mim demoram), mas não se vão...é pra eu aprender a ser paciente e ter bom ânimo sempre.

E a vida prossegue...e eu continuo "crescendo" e me aprimorando.