domingo, 19 de dezembro de 2010

Grávida trabalha??

E como trabalha...rsrs

Porque não fui agraciada com uma diarista ainda, como algumas amigas recém casadas também, que tenho.

Não vou mentir e dizer que "esfrego" a casa diariamente, isso seria hipocrisia da minha parte. Mas é claro, para se viver em um lugar, é necessário um cheirinho bom de limpeza e falta de pó e sujeira pelo chão, pela casa em geral...

E hoje foi dia de faxininha de novo...limpei os quartos, a sala, lavei a cozinha, os corredores, coloquei a estante em ordem de novo (que eu já havia limpado, mas a mania de colocar chaves, crachá e etc nela é um vício do meu esposo, preciso criar uma estratégia para isso e evitar que as coisas se acumulem ali)

Hoje também "esfreguei" o fogão...retirei botão por botão, todos os acendedores e limpei com desengordurante, passei até Veja no fogão, que ficou uma graça.

Lavei roupa tb, porque semana que vem já começam as festas e tem que estar tudo no lugar, porque não tem nem graça a casa numa zona em momentos tão especiais e que os parentes aparecem como que por encanto...rsrs

Estou com a lombar daquele jeito, mas com sensação de dever cumprido...e comprido...não, eu nunca fui dona de casa e não gosto de fazer trabalhos de casa, nem um pouco, mas agora a casa é nossa e não adianta muitas vezes falar pra criaturinha que é casado comigo que ele não precisa usar outro copo pra tomar refrigerante quando acabou de tomar água naquele mesmo copo...e vai fazendo uma pilha de copos...que não ajuda desfazer.

Tá, o Mazzii até ajuda, mas sabe bem quando ele quer? Tem dias que acorda no pique e diz:"Vamos dar uma geral na casa, amor", dai ele lava a louça e senta na sala...ou pendura a roupa e...senta na sala.

Mas vocês acham que eu dou mole? Ele é um amor, mas ás vezes só "pega no tranco" e eu falo que tem coisas ainda pra fazer, sim! Dai ele faz, mesmo que no começo com "bico".

Ás vezes ele até está inspirado pra cozinhar algo diferente e cuidar da comida, de por a mesa e talzz...mas até chegar esse dia, geralmente dura uma semana (geralmente nas folgas dele).

Seu esposo deve ser assim também...há não ser que vc tenha sido agraciada com um esposo que foi criado só pelo pai e teve que aprender na marra...rsrsr. Dai ele é um autêntico "Olivier Anquier" e tem até dotes incríveis culinários (brincadeira..)

Mas o que eu sei é que parece que existem coisas incutidas culturalmente na cabeça das pessoas, como por exemplo a "obrigação da limpeza da casa ser da mulher". Eu cresci estudando bastante e não tinha mãe com barriga na pia 24 horas. Então eu não tenho essa visão de "a minha mãe é meu exemplo de dona de casa".

Minha mãe limpa uma casa como ninguém, isso é verdade, mas eu não tenho essa imagem mental de "dona de casa" dela, porque sempre foi muito independente e sempre trabalhou muito (até ano retrasado minha mãe trabalhava em 2 hospitais...dai já viu) e eu, graças a Deus, sempre fui muito incentivada a estudar...

Quando eu não estava no ballet, estava na computação, quando não estava na computação, estava na escola, quando não estava na escola, estava na natação...ou então fazendo cursos de artesanato e publicidade.

Eu sei que estou cansada e que agora a vida de "dona de casa" ás vezes começou de verdade...porque me desculpem, se meu esposo tem nele a imagem de "mulher dona de casa" na cabeça nele, eu não vou continuar regando essa imagem errada e nem quero que, se um dia tivermos um filho homem, ele fique assim, "mal criado", achando que "mulher tem que ficar com a barriga quente na tábua de passar roupa e esfriá-la no tanque".

E nem deixar minha filha crescer vendo o pai não me ajudando e a se acostumar a ser "escravizada" por um esposo (bem lá pro futuro, é claro...rsrs) que não a ajude.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Gostaria de saber o que você pensa sobre o assunto =)