sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

O uso de florais na gestação

Fonte: Blog Grupo Gestarte

Gravidez: período de profundas mudanças, físicas e psíquicas. Algumas transitórias e outras para sempre. E para ajudá-la a saber lidar com tantas transformações, há importantes recursos que vão desde o conhecimento acerca do que acontece no seu corpo, o apoio psicológico, o avanço da medicina até a utilização de substâncias plenamente indicadas na gestação. Um exemplo dessas alquimias são os Florais de Bach.
Abaixo disponibilizamos um artigo de uma de nossas consultoras, a psicóloga e terapeuta floral Ana Paula A. de Aviz, no qual aspectos da utilização dos florais na gestação são explicados:


FLORAIS PARA GESTANTES
A gestação é uma fase especial na vida de uma mulher. No entanto, as transformações são intensas, tanto no aspecto físico como emocional. Uma boa orientação psicológica, médica e a utilização de florais durante a gravidez, podem ajudar a futura mamãe no processo de entender e lidar melhor com o turbilhão de emoções que irá enfrentar ao longo dos meses de gestação.
Os florais podem garantir o equilíbrio necessário para que o desenvolvimento do bebê e o parto sejam encarados de forma positiva e tranqüila.
Queixas comuns no período de gestação:
Medo do parto, do pós-parto, de não conseguir amamentar, não dar conta de cuidar do bebê. Neste caso podemos utilizar o mimulus para despertar a coragem interior.
Preocupação com a aparência e a não-aceitação do próprio corpo. Podemos utilizar o crab appple com o objetivo de melhorar a auto-estima, trabalhando a aceitação do próprio corpo.
Sensação de cansaço por conta da rotina diária, pois antes conseguia executar as tarefas facilmente e agora apresenta dificuldade. Utiliza-se o hornbeam com o objetivo de devolver a energia necessária para desempenhar suas tarefas com mais disposição.
O enjôo que ocorre, principalmente, durante o primeiro trimestre pode ser controlado com scleranthus, que trará equilíbrio para enfrentar este momento.
Com a proximidade do parto temos a ansiedade e impaciência. Podemos utilizar o impatiens. Ele vai ajudá-la a conviver em harmonia, trazendo paz e calma.
A utilização dos florais tem se revelado um poderoso auxiliar nesta fase de mudanças e incertezas. Não há contra indicação em relação ao uso dos florias. Lembramos, que os florais não substituem acompanhamento médico ou medicamentos indicados pelo seu médico.
O tratamento com os florais é realizado por um terapeuta, onde através de uma anamnese (entrevista), irá ouvir todas as queixas, dúvidas, temores e preocupações da gestante. A partir desses dados, será possível escolher dentre o repertório floral os mais indicados e realizar o acompanhamento e o desenvolvimento da terapia.
Ana Paula A. de Aviz
Terapeuta
Para conhecer mais o trabalho desta profissional clique em "Sites de Interesse - Terapia Floral" na parte direita inferior do blog

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Gostaria de saber o que você pensa sobre o assunto =)