quinta-feira, 25 de abril de 2013

Eu sei quem eu sou...você sabe quem você é? Perguntou a Alice (eu) ao Cheshire =)

É sério...não sou vintage, no máximo gosto de costumes, músicas, roupas e mais um monte de coisa antiga...isso talvez não seja o suficiente para eu ser vintage.

Não peso 70 kilos e as roupas de antes da gravidez vão ganhar novas donas #whocares

Tenho o cabelo #cresposim, mas lambido...não sei se saberia usar blackão, dai no meio do dilema, escorri ele de vez.

Fico pensando em 1 milhão de profissões que eu poderia exercer, mas como até comentei num post, não sei se faço direito escrever, mas é o que não me vejo sem.

O resto, talvez seja um capricho, um desvario feliz...blog de moda, achar q serei feliz no marketing (sou agitada e tênis All Star demais pra esse mundo...rs), me estressar por bobagem (ás vezes dar umas xilicadas ajuda desopilar, ás vezes funciona mais q rir, acredite.), ficar me enrolando pra ler todos os livros q ainda quero...capricho, preguiça, falta de semancol..

Num micro resumo, parte do meu mundo está vivendo em meus pensamentos, como uma carta não postada, mas que a qualquer momento pega selo e vai cumprir sua missão. A outra parte do meu mundo está aqui, grudadinho em mim, com o meu Mug e minha Tuquitas, minha Pós queridinha (e ás vezes cansativa), "meus amigos, meus discos e livros e nada mais..."

Dia desses ouvi uma pergunta que achei tudo e até anotei: "o que a vida espera de mim?"

Pois é...porque não apenas esperamos e exigimos muito dela, mas ela quer de nós. Não cobrança, mas florescer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Gostaria de saber o que você pensa sobre o assunto =)